SIGA A CÂMARA

Pronunciamentos realizados na Sessão do dia 24 de maio


Data: 26/05/2016

Confira os discursos dos parlamentares durante a Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Pomerode, realizada no dia 24 de maio. 

23º Torneio Interclubes e Oliclubes
O vereador Wolfgang Schummann convidou a comunidade para o 23º Torneio Interclubes – Edição 2016, que será realizado no dia 29 de maio. O parlamentar a pedido do presidente do Clube Alto Rio do Testo, convidou os vereadores para se fazer presente neste evento. “Haverá desfile oficial, às 10h, com representantes dos 15 Clubes de Caça e Tiro de Pomerode, às 11h30 almoço de confraternização dos associados e, às 13h30, cerimônia de premiação do 23º Torneio Interclubes, nas categorias feminino e masculino. Para quem quiser adquirir ingresso para o almoço, pode entrar em contato com a diretoria do Clube, no valor de R$ 22,00”, disse. O parlamentar também informou que no dia 18 de maio teve inicio a mais uma etapa do Campeonato de Oliclubes. “A etapa iniciada foi a de Bolão. Nós temos cinco sociedades que possuem Cancha para esta modalidade, e todas estão participando, além de Ribeirão Souto e Alto Rio do Testo”, concluiu. 

Cemitério Municipal
O vereador Amarildo da Silva apresentou a Indicação nº 48/2016, que solicita ao Executivo a manutenção do muro do cemitério municipal e a instalação de portão. “A comunidade de Pomerode reivindica a manutenção do muro localizado na entrada do cemitério municipal, vez que o mesmo encontra-se em situação precária, com profundas rachaduras, o que pode ocasionar acidente no local. Outrossim, a comunidade também pleiteia a instalação de um portão na entrada do cemitério municipal, a fim de que seja coibida a atuação de vândalos. Assim, no intuito de resguardar o patrimônio público e pela segurança dos cidadãos pomerodenses, solicito que o Executivo Municipal providencie a manutenção do muro do cemitério municipal, bem como a instalação de um portão no local”, explicou.
 
Pavimentação de ruas
O vereador Amarildo da Silva apresentou a Indicação nº 49/2016, que solicita a pavimentação de ruas da cidade. “Os moradores das ruas Anna Krueger, Eduardo Hornburg, Camboriú, Ipira, Gisela Krueger, Augusto Krueger, Otto Belhing, Emílio Wachholz, Concórdia, Ernesto Blank, Lorenz Blank, Paulina Blank, Erwin Scheiwe, Paulo Maske e Henrique Dorn reivindicam a pavimentação destas vias, compromisso que o Executivo Municipal firmou com a comunidade local e até o momento não cumpriu. Assim - no intuito de preservar a segurança de todos e de atender aos anseios da comunidade local - solicito que o Executivo providencie a pavimentação das ruas acima mencionadas”, justificou.
 
Diligência de caminhão pipa
O vereador Amarildo da Silva apresentou a Indicação nº 50/2016, que solicita ao Executivo a diligência de caminhão pipa nas ruas Ernesto Blank e Lorenz Blank. “Em atenção à reivindicação de empresários destas vias, solicito que o Executivo Municipal providencie a passagem de caminhão pipa regularmente, até que o Executivo Municipal providencie a pavimentação das mesmas. Tal medida visa preservar a saúde da comunidade local, pois, em razão de se tratar de estrada de terra, há o levantamento de muita poeira com a passada de veículos na via em questão. Vale ressaltar que no local há empresas do ramo plástico, que produzem embalagens para o setor alimentício, o que exige uma higienização muito grande e reforça a necessidade da passagem regular de caminhão pipa para conter a poeira do local”, relatou.
 
SAMAE
O vereador Amarildo da Silva disse que visitou a ETA II (Estação de Tratamento), com o presidente do SAMAE, Edson Piske. “Pude acompanhar os trabalhos realizados pelos profissionais na ETA II, assim como os devidos processos. Também pedi a regularização dos serviços de abastecimento nas Ruas Raulina Bahuer e Espírito Santo. Conforme os moradores é comum a falta de água nestas ruas. Conforme ele me informou, está se trabalhando para a regularização. Também quero agradecer o presidente do SAMAE por ter me acompanhado e mostrado todas as instalações. Parabenizo-o da mesma forma, pelo trabalho que vem sendo realizado frente a Autarquia”, concluiu.

Reunião sobre Vigilância Sanitária
O vereador Claus Krahn disse querer se manifestar em relação à reunião com os vereadores, comerciantes, prefeito e secretária de Saúde realizada na última segunda. “Quero dizer que um passo foi dado, e esperamos que no próximo dia 06 de junho, onde será realizada nova reunião, o prefeito apresente novas soluções referentes aos alvarás sanitários. Acredito que o vereador Nelson Fischer não tenha entendido, mas eu atendi apenas o que foi acordado em reunião anterior, em conversa com os comerciantes. Havia ficado definido que os fiscais da Vigilância Sanitária não eram para fazer parte deste encontro. Era uma reunião fechada, especificada em ofício. Esta foi a justificativa. Apenas atendi aos pedidos dos comerciantes. Com certeza avançaremos sobre esta questão, para isso fomos eleitos, tanto o Executivo quanto o Legislativo. Precisamos resolver esta problemática dentro da legalidade”, disse. 

Denúncias
O vereador Claus Krahn disse querer alertar os vereadores da base do governo e à comunidade sobre o que vem sendo feito na comunidade. “Parece que está se esquecendo o trabalho e começando a perseguição. Falo com todas as letras, pois o secretário de Indústria e Comércio está se preocupando em fazer cópia de cheque, correndo atrás de pessoas que nem sabe se serão candidatas, em horário de serviço. Fico muito triste com esta situação, pois está usando o seu tempo de serviço para fazer este tipo de perseguição. Na última sexta-feira teve o desligamento do secretário de Planejamento e aproveito para olhar com bons olhos essas atitudes, para que isso não volte a se repetir. Vale ressaltar que, conforme o secretário de Indústria e Comércio, o pedido destas ações vieram a pedido do partido. O vereador Marcos Dallmann é presidente do PMDB, e fico muito triste com esta situação. Se vossa excelência estiver fazendo este tipo de pedido aos secretários do prefeito, havendo certa perseguição a algumas pessoas de nossa cidade. Acontecimentos que me deixam muito triste e principalmente por estarem sendo feitos em horário de serviço. Tenho em posse diversas denúncias anônimas que recebi de funcionários do Executivo. Porém, não sou eu que posso tomar decisões sobre estas denúncias, por isso peço que se dirijam ao sindicato para apurar estes acontecimentos”, concluiu. 
 
Contas Bancárias da Prefeitura
Em seguida, o vereador Claus Krahn apresentou alguns slides sobre o Demonstrativo de Contas Bancárias da Prefeitura. “Recebemos nesta Casa os últimos balancetes e estamos vendo que o que se prega na comunidade não confere com a realidade. Não sou eu quem está falando, mas são dados que nos foram passados pelo Executivo a esta Casa. Lembro ainda que na próxima terça-feira o presidente da Comissão de Finanças, vereador Amarildo da Silva, realizará Audiência Pública aqui na Câmara, às 8h, para apresentar alguns números relacionados ao Executivo. Assustei-me com a quantia que hoje se encontra que é a de R$ 4.954.000,00 de recursos livres para se gastar ontem e não amanhã. Um total no caixa de R$ 8.389 milhões. Então, o discurso de que o Executivo não tem dinheiro não confere. Não podemos deixar de trabalhar e ficar se fazendo de vítima toda hora. Pergunto, pois dinheiro aplicado em conta rende o que? Fico feliz, pois o próximo prefeito terá bastante dinheiro para iniciar seus trabalhos. Soma quase R$ 5 milhões de recursos livres”. O vereador Claus Krahn disse querer apresentar ainda outros números. “Quando dizem que a nossa cidade é um referencial e eu posso dizer tranquilamente que, somente em relação ao IPTU, existia uma previsão em 2013 a 2016 o aumento de 91,67 %. A previsão em 2013 era de R$ 2.300 milhões. Hoje está em R$ 4.600 milhões. Até o momento já foram arrecadados R$ 2.858 mil. Faltam apenas R$ 1.700 milhões. Vejam a diferença de quando assumiram para agora. Em relação ao ISQN, em 2013 foram R$ 3.950 milhões. Até 2016 foram R$ 5.380 milhões. Um aumento de 36%”, disse. Em Arquivos para Download, constam as planilhas apresentadas por ele durante o seu pronunciamento. O vereador Claus Krahn ainda apresentou algumas planilhas relacionadas ao Requerimento nº 24/2016, de autoria da Mesa Diretora, que solicita informações detalhadas e de interesse público, referente à servidora pública municipal Tatiana Leite Slomp.

Balanço
O vereador Marcos Dallmann disse que na próxima sessão irá falar sobre o balanço da Prefeitura quanto aos números relatados pelo vereador Claus Krahn. “A forma que colocado pelo presidente desta Casa deixa a comunidade confusa, pois quando se fala de balanço, é necessário que se explique com clareza as disponibilidades, as previsões quanto as despesas e receitas. Principalmente dos saldos vinculados, algo que precisa ser relatado  com propriedade”, disse.

Iluminação pública
O vereador Marcos Dallmann comunicou que, após mais de 10 ou até 20 anos de cobrança e pedidos da comunidade, foram instalados dois novos transformadores e iluminação pública no Alto da Serra. “Proporcionando mais qualidade de vida e segurança na rodovia para os que lá vivem e precisam transitar. Neste momento as luzes já estão acessas, o prefeito Municipal está no local para vistoriar e, pelas noticias que tenho, ficou muito boa a iluminação. A segurança é muito importante para os que lá transitam. Até porque evitam também acidentes no local. Lembro-me como os moradores cobravam por esta melhoria. Nós vereadores temos o dever de reivindicar e o prefeito em atender. Então, parabéns ao Executivo por ter concluído este trabalho e para a comunidade por ter sido contemplada com esta melhoria”, parabenizou.
 
Faixas elevadas e roçada
O vereador Marcos Dallmann comunicou que esteve com o diretor do DEINFRA e agradeceu pela roçada realizada no Alto da Serra. “Foi um pedido do prefeito a este diretor, que foi muito bem atendido, pois o trabalho ficou até melhor do que das outras vezes. Também aproveitei para ver a situação da rodovia que liga Pomerode a Jaraguá do Sul. Ele informou que o projeto está pronto, mas que referente a orçamentos depende da atual situação em que o país enfrenta. Não há verba para esta revitalização, embora o projeto esteja pronto. É um descaso do Estado com o nosso município. Saudades do então governador Luiz Henrique da Silveira. Independente de partido ele governava por Santa Catarina, qual fosse a administração municipal. Sempre estava presente em Pomerode, atendendo no que fosse preciso. Mas agora, infelizmente está complicado. Teremos que conviver mais dois anos nesta situação. Esperamos ser atendidos de tanto que cobramos por esta revitalização. Ainda quero agradecer ao diretor do DEINFRA, em relação ás faixas elevadas que fomos contemplados. Ainda irão melhorar a sinalização nas proximidades dos locais. Um empresário me ligou na semana passada e me agradeceu alegando que, se há dois anos estivesse já esta faixa, um funcionário seu ainda estaria vivo. Apesar de todas as críticas vamos levar para o lado positivo que é maior segurança para a comunidade. Por fim, o diretor e o prefeito fizeram visitas nas localidades e ficaram muitos satisfeitos”, relatou.
 
Em Resposta ao Vereador Claus
O vereador Marcos Dallmann disse que ia perder dinheiro público com seu assunto em tribuna, referindo-se a publicidade dos atos, e seguiu com seu pronunciamento. “O vereador Claus se referiu ao presidente do PMDB, então, como tal, eu não perco meu tempo em prejudicar pessoas que fazem um trabalho de excelência, como talvez um presidente de alguma associação, tesoureiro ou secretário. Independente de quem for, eu sempre parabenizo a questão do voluntariado. A pessoa que trabalha precisa ser reconhecida, mas em momento algum eu vou perder o meu tempo para ver se a pessoa está assinando cheque ou fazendo qualquer coisa errada, se será candidato ou não. Eu preciso cuidar de mim e do meu partido. Se tem alguém fazendo algo ilícito eu não sei, mas se sim deveria estar cuidando do seu próprio trabalho. Isso vale para todos os partidos, pois em 2012 o meu partido foi vítima da mesma situação, se preocuparam em impugnar candidatos. Quantos foram impugnados, pela preocupação de adversários. Pode ser um processo natural de eleição. Porém, não é um assunto para se perder em tribuna, peço até desculpas, mas é uma defesa. Como fui mencionado como presidente do partido, preciso dizer que não tenho conhecimento e não quero saber. Acho que cada um sabe do que está fazendo e parabenizo os que fazem um trabalho voluntário. Se quer ser candidato a vereador e se merece seus votos, se faz um bom trabalho, desejo meus parabéns. Então, quero deixar aqui o meu desabafo, como vereador e presidente do PMDB. Não assumo esta responsabilidade, pois se eu venho até aqui não posso falar o que eu acho, e sim o que eu tenho com verdade. E é isso que a comunidade deseja saber, a verdade”, concluiu.    
 


Fotos